Muitos criaram blogs depois desse blog que ja está com 3.000 visitas de páginas! Mas o porque dele mesmo? antes tinha colocado que era para expor minhas insanidades e para desabafar, serviu e ainda servira para essa finalidade, mas creio eu que ele seja mais que isso, mostrou muitas coisas e acho que muitos gostaram, então o porque dele? Não sei. Só sei que nem tudo que eu escrevo é verdade, nem toda verdade eu escrevo. Mas tudo que digo é verdade e se digo alguma mentira meus olhos me traem!

Olha a hora...

quarta-feira, agosto 11, 2010

Irmã...

.

Independente de tudo

...eu fico com a minha pacata felicidade. É isso mesmo, tomei minha decisão de que a partir de agora, independente de tudo que possa me afligir, eu vou levar a cabo o meu maior desafio: manter a felicidade mesmo nos momentos mais difíceis, nas encruzilhadas, nos dissabores. Penso que você, meu caro amigo, também deveria fazer o mesmo.
   Independente de tudo, eu e você somos frágeis e sofremos e rimos pelos (quase todos) mesmos motivos. E por incrível que pareça, chegou um momento em que minha fragilidade se confunde com a minha força. Minha fragilidade é o que me faz ter coragem para enfrentar a mágoa, a solidão e a tristeza de cabeça erguida, de coração aberto, de lágrimas na face que persiste em demonstrar um sorriso,e, concomitantemente, a revelar o alívio no peito, transformando em desabafo e em cessação aquilo que me entristecia , mas que aos poucos me faz ser mais forte e mais feliz.
   Independente de tudo e de todos, de todos os boatos, posturas e opiniões, eu fico com os que eu quero bem. Até aquele que me mata de raiva. Até o que me tira as noites de sono, que me faz lembrar de um futuro que, bah! - não existe. Bom, já que é assim, o jeito é ficar especialmente ao seu lado, meu caro irmão de coração. Fico do lado que aponta para o lado não sei de quê. O lado das nossas conversas, das nossas mesquinharias, do nosso balançar de cabeça, do nosso olhar cúmplice e crítico.
   Desta maneira, fico do lado da gratidão, da saudade, do carinho e da tolerância. Eu fico do lado da minha felicidade... independente de tudo.

P.s: Dedico este primeiro texto ao meu caro amigo e irmão Vitim . Engraçado, tinha a intenção de fazer um texto totalmente diferente, com um rumo oposto, para uma pessoa não nominada. Mas fazer o quê, foi o meu coração que digitou esse punhado de palavras, ao som de Pouca Vogal. Impressionante como parecemos, né? Que bom que tenho, além de Pipe, um irmão que escolhi para a vida inteira.É você, Victor, que me ajuda, me aconselha, que briga, que me belisca e que me alenta nos momentos de maior dúvida . Obrigada por tudo, meu irmão!
Texto de Jullie Xavier - http://independentedetudox.blogspot.com/




Essa menina ainda me mata do coração, logo hoje em que eu não estava tão bem, sei lá, por n motivos, ai vem ela e me dedica um texto desse, ai eu desabo. È dificil minha gente, mas eu amo ela, ela me ama, tudo no texto é verdade, passamos por momentos diferentes, porém iguais, vi o texto de diferentes primas, mas me atendo a um, o prisma do conselho sei lá, tento colocar sorrisos junto a lágrimas em minha face, mas é difícil, tem hora que não dá não! Hoje em minha face estava notório como foi meu dia, acordei meio assim, mais pra lá que pra cá, ai a noite vem um texto desse, acho que meu Amigão, resolveu sair da folga e começou a agir, mandou um texto desse, um depoimento desse pra me mostrar que, os outros também tem angustias e tristezas, e que sempre tem uma luz no fim do túnel, que tem pessoas que nos amam!
Minha Irmã TE AMO!
Valeu Cara, vamos naquela parte ok?!

Ah Juh, eu prefiro essa imagem:

4 comentários:

Brunno Hot disse...

Essa foto ta do tipo irmaos siameses.

rsrsrs

Victor Tolentino disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Jullie disse...

Tira essa foto pelo amor de Deus, capeeeeeeeeeeeeta!

Natália disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk